Escorço de Van Gogh guardado por mais de 100 anos é exibido pela primeira vez | Pop & Arte


O estampa de um trabalhador em uma cadeira com as mãos no rosto pertence à coleção privada de uma família holandesa há mais de um século, e ficará exposto no museu Van Gogh, em Amsterdã, só até o dia 2 de janeiro de 2022.

Pesquisadores do museu dizem que a obra tem “valor incalculável”, e que ela nunca foi vista publicamente, fora do envolvente privado da família.



Manancial Notícia -> :Fonte Notícia



Mude para versão para dispositivos móveis deste site