Britney Spears: perfil da cantora no Instagram é desativado | Música


O perfil de Britney Spears no Instagram foi desativada na tarde desta terça-feira (14). Não houve um transmitido solene sobre o motivo. Também não se sabe se a retirada aconteceu por iniciativa da cantora, de alguém que administrava a conta ou da rede social.

Ela tem mais de 34 milhões de seguidores na rede. Seus perfis no Twitter e no Facebook continuam no ar. Mas o Instagram era a rede que ela mais utilizava.

A cantora ganhou recentemente a uma disputa contra o pai no seu processo de tutela.

Conta de Britney Spears no Instagram é desativada — Foto: Reprodução

Jamie Spears entrou com um pedido na justiça americana para fechar a tutela de Britney Spears. O controle do pai sobre a cantora já durava 13 anos.

Em documentos enviados ao tribunal que julga o caso em agosto, ele se pronunciou sobre o fim da tutela e disse que ajudaria na transição para um novo tutor.

Entenda como surgiu o movimento 'Free Britney'

Entenda como surgiu o movimento ‘Free Britney’

E em novos documentos, o pai da cantora vai mais longe e pede que o tribunal encerre totalmente a tutela, de acordo com a NCB News e a CNN.

Britney Spears “tem o direito de que este Tribunal considere seriamente se essa tutela não é mais necessária”, disse Jamie Spears em um novo processo citado por meios de comunicação.

As circunstâncias dela mudaram “a tal ponto que os fundamentos para o estabelecimento de uma tutela podem não existir mais”, acrescentou ele.

Pai de Britney Spears: entenda como funciona a figura do tutor nos Estados Unidos

Pai de Britney Spears: entenda como funciona a figura do tutor nos Estados Unidos

Em uma participação de 23 minutos, a estrela disse que foi drogada, forçada a atuar contra sua vontade e impedida de ter filhos.

“Eu só quero minha vida de volta”, disse ela, por telefone, ao pedir ao tribunal o fim de sua tutela.

Ouça depoimento de Britney Spears, que luta pelo fim de sua tutela, à Justiça americana

Ouça depoimento de Britney Spears, que luta pelo fim de sua tutela, à Justiça americana

“Estamos satisfeitos que o senhor Spears e seu advogado tenham hoje concedido em um processo que ele deve ser removido. Prova que Britney estava certa”, afirmou Mathew S. Rosengart em comunicado publicado pela revista “Variety”.

“Estamos decepcionados, no entanto, por seus ataques vergonhosos e repreensíveis contra a senhorita Spears e outros.”

Dos 22 anos de Britney como cantora profissional, 13 deles foram vividos tendo o pai como tutor. Desde 2008, Jamie foi nomeado na justiça americana como responsável legal por assuntos pessoais e financeiros da princesa do pop.



Fonte Notícia -> :
Fonte Notícia



Mude para versão para dispositivos móveis deste site